Proposta de projeto de mestrado

Prof. Odilon D. D. Couto Jr
Telefone: +55 (19) 3521 5458
Fax: +55 (19) 3521 4146
Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Tópico:

Processamento de sinal e modelagem de propagação de ondas dispersivas em poços de petróleo

Bolsa:

Petrobrás (valor: R$ 2.109,00 mensais)

Período:

24 meses

Resumo:

Um dos desafios atuais em petrofísica é o processamento acurado de dados geofísicos obtidos em poços de exploração. Devido à enorme quantidade de dados e à necessidade de um processamento rápido e eficiente dos mesmos, diferentes grupos e empresas ao redor do globo têm trabalhado no refinamento de suas técnicas de análise de dados geofísicos. Um dos problemas atuais é o da determinação de velocidade da onda cisalhante no limite de baixas frequências para determinadas formações geológicas [1]. Para realizar este tipo de análise é necessário obter as curvas de dispersão destas ondas a partir de dados experimentais e desenvolver modelos teóricos que permitam ajustar os dados obtidos e extrapolar o comportamento para o limite de baixas frequências, onde as sondas comerciais são geralmente ineficientes na geração de sinais acústicos [2,3].

Este projeto está inserido numa nova linha de pesquisa que estamos iniciando no IFGW em colaboração com o Centro de Pesquisas e Desenvolvimento (Cenpes) da Petrobrás e o Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF). Nosso objetivo é estudar e fazer uma análise quantitativa de dados experimentais obtidos pela empresa e, em particular, estudar o problema da onda cisalhante. Para isso, utilizaremos métodos numéricos para o tratamento de dados em larga escala e implementaremos modelos físicos para ajuste e análise quantitativa dos dados. Este projeto é uma excelente oportunidade para aqueles que tenham interesse em desenvolver trabalhos de parceria entre universidade e empresas.

Referências:

[1] S. Q. Lee, X. M. Tang, Y. Su and C. X. Zhuang, Geophysics 81, 35 (2016)
[2] J. B. U. Haldorsen, D. L. Johnson, T. Ploma, B. Sinha, H. P. Valero, and K.Winkler. Oilfield Review, (2006)
[3] A. C. H. Cheng, The Leading Edge 34, 278 (2015)